Tempo de mudanças

Desde o final de 2021, quando passamos a atualizar a informação do nível da Represa de Furnas ao longo do dia, temos recebido inúmeras mensagens de apoio, incentivo e sugestões para continuarmos nosso trabalho.

Foram mensagens de empresários que possuem empreendimentos no entorno da Represa de Furnas e que sofrem perdas com o baixo nível, mensagens de figuras do mundo político como ex-prefeito, candidato a prefeito, secretário municipal.

A maior parte das mensagens foi de pessoas que possuem seu “paraíso particular”, um rancho, na beira da represa. Não importando se num pequeno pedaço de terra ou num condomínio luxuoso a preocupação é a mesma: a preservação do nível da Represa de Furnas.

Os contatos sempre nos trazem algum aprendizado sobre a represa que pretendemos ir compartilhando.

Algumas sugestões recebidas, mais simples, pudemos implementar e já foram colocadas no ar. Outras mais complexas precisaram de um planejamento e forçaram a necessidade de alterações no site e agora começaremos a publicar.

Como pode ser percebido o menu mudou. Foi criado um item exclusivo para Furnas, que por enquanto apresenta três subitens devendo ser ampliado.

A página inicial do site recebeu a informação da vazão da represa nas últimas 24 horas e ao longo do dia poderemos acompanhar com dados oficiais como está a entrada e a saída de água da Represa de Furnas.

Foi incluído no menu uma opção para um Infográfico que mostra de onde vem a água da Represa de Furnas, com a vazão dos principais rios que a abastecem, também mostrando dados das últimas 24 horas. Pretendemos ampliar para mostrar também “Para onde vai a água de Furnas?”

Por fim, foi colocada a opção para os Gráficos, destacando a Represa de Furnas, que agora além do nível de anos anteriores, também pode mostrar a afluência e defluência.

O segundo item do menu, Represas, permite o acompanhamento de outras 74 represas, algumas também são  atualizadas no correr do dia. Novas represas serão incluídas quando forem sugeridas. No subitem Gráficos também foi incluída a apresentação da afluência e defluência destas represas.

Foi criada uma seção de Blog onde pretendemos incluir informações, notícias, divulgação de eventos e ações relacionadas à preservação das nossas represas. Também pretendemos incluir “causos” que forem enviados relacionados às represas e que muitas vezes são contados ao lado de um fogão a lenha.

Por fim, apesar de usar “nós” como autores deste trabalho, esta é uma obra pessoal e individual. Uma única pessoa fazendo tudo como hobby.

Não temos nenhuma vinculação política e pretendemos continuar assim e estamos abertos a qualquer agente público que queira divulgar seus projetos e ações realizadas em defesa das represas.

Tão importante quanto as condições climáticas, também a vontade e decisões políticas tem um peso fundamental para a preservação dos níveis de água nas represas. Não palavras ou promessas vãs que já estamos cansados de ouvir e sim ações concretas e projetos coerentes que conciliem os interesses daqueles que dependem do entorno das represas, da geração de energia  e também as necessidades legítimas da população que vive abaixo das barragens e que também necessitam da mesma água para a sua sobrevivência.

Cabe aos agentes públicos usar a boa política para conciliar os interesses. Cabe a nós a cobrança.

Lúcio

Compartilhe: