No Sudeste e Centro-Oeste afluências continuarão abaixo da média


Segundo o ONS nessas regiões a afluência prexista

O boletim do Programa de Mensal de Operação (PMO) do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), para a semana que vai de 09 a 15 de abril, indica que o Custo Marginal de Operação (CMO) reduzirá 83,86% nos subsistemas Sudeste/Centro-Oeste e Sul em relação à semana anterior. Os valores estavam equalizados em R$ 40,15/MWh e devem atingir R$ 6,48/MWh. Já as regiões Norte e Nordeste permanecerão com custos zerados.

Segundo o documento, a expectativa de afluências, ou seja, a energia que vem das chuvas, é positiva para abril. O destaque é para a região Sul que deve terminar o mês registrando 189% da Média de Longo Termo (MLT). Os índices, também considerando dia 30 de abril, no Norte e no Nordeste, serão de 105% e 58% da MLT, respectivamente. No Sudeste/Centro-Oeste, as afluências indicam 73% da MLT.

A MLT é a média das vazões naturais médias, correspondentes a um mesmo período, observadas durante a série histórica de verificações. Essa variável é de suma importância para o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), pois é utilizada nos modelos de otimização do despacho hidrotérmico.

Os reservatórios das usinas hidrelétricas do Sistema Interligado Nacional (SIN) têm previsão de chegarem a 97,3% da capacidade de armazenamento no Nordeste, 95,2% no Norte; 70% no Sul e 68,2% no Sudeste/Centro-Oeste.

Estimativa do volume dos reservatórios em 30/04.

A carga de energia do Sistema Interligado Nacional (SIN) pode finalizar o mês em alta de 2,3%, no comparativo com abril de 2021. O volume previsto é 70.469 MW médios. A região Sudeste/Centro-Oeste indica aumento de 5,2% e 41.765 MW médios. O Nordeste tem expansão de 0,4% e 11.230 MW médios. A variação, no Sul, será negativa de 1,7% e 11.771 MW médios. O Norte apresenta declínio de 5,5% e 5.703 MW médios. Este último subsistema segue impactado por uma redução parcial da carga contratada por um consumidor do mercado livre de energia naquela região.




Fonte ONS.

.

Compartilhe: