Você sabia…

Que um acidente “inaugurou” o início das obras de Furnas?

Presidente Juscelino Kubtscheck visitando os túneis que seriam inundados poucas horas depois.
Compartilhe:
  • A Usina de Furnas localiza-se num desfiladeiro do Rio Grande e para manter seco o local da construção da barragem foi necessário a abertura de dois túneis na rocha. Demorou cerca de 13 meses a abertura destes túneis, que tinham 15 metros de largura e 1.687 metros de comprimento. Mais longos que todos os túneis existentes naquela época na cidade do Rio de Janeiro.
  • Como os túneis localizavam-se abaixo do nível do rio, de maneira a possibilitar a passagem das águas por eles, foram construídas barreiras provisórias de terra, chamadas ensecadeiras, para mantê-los secos durante as obras de abertura.
  • Estava prevista para a manhã do dia 09 de março de 1960 a cerimônia de desvio das águas do Rio Grande por estes túneis, marcando o início das obras da barragem de Furnas, propriamente dita.
  • O cronograma oficial previa que as 10 horas da manhã o presidente Juscelino Kubitschek acionaria uma carga de dinamite mandando para os ares a barreira que impedia o desvio das águas.
  • O presidente JK chegou a Furnas na tarde do dia anterior e fez questão de percorrer os túneis para conhecer detalhes da obra com “mais calma“. Por volta das 19 horas ele e sua comitiva percorreram os dois túneis.
  • Por volta das 22 horas, quando cerca de 60 trabalhadores estavam dentro dos túneis finalizando os preparativos para o desvio das águas, os engenheiros observaram que o rio havia subido rapidamente mais de meio metro, em virtude das fortes chuvas que há 15 dias ininterruptos caiam na cabeceira do rio.
  • Foram descobertos vários vazamentos na barreira de terra, que fora desbastada para facilitar a dinamitação. Foi dado o alarme e os trabalhadores conseguiram sair a tempo. As águas do Rio Grande romperam a barreira e invadiram os túneis, levando tudo, inclusive as dinamites que seriam usadas para a explosão.
  • Na manhã seguinte a inauguração contou somente com discursos para uma platéia de mil pessoas, segundo a imprensa. Claro que o fato do rompimento foi usado pela imprensa com frases do tipo “o rio inaugurou a si mesmo” e “o rio tem pressa que Furnas fique pronta“.
  • Outro fato curioso destacado é que no dia da inauguração foi servido um churrasco e cada convidado recebeu uma faquinha especial, segundo um jornal a maioria dos convidados não compreendeu bem e “enfurnou” a faca, levando-a como uma lembrança histórica.

Foto: Juscelino Kubitscheck conhecendo os túneis para desvio do Rio Grande – Arquivo Nacional.

Publicado em

Você sabia…


Represas mais visitadas na semana

Represa de Furnas hoje

Medição mais recente realizada na barragem da represa
Nível atual Medido em Variação em 24h
764.99 12/04/2024 -1
m às 22:00h cm

Nível nas últimas 24 horas

Medições realizadas nas últimas 24h na barragem da Represa de Furnas



Veja mais informações na página de Furnas


Represa de Três Marias hoje

Medição mais recente realizada na barragem da represa
Nível atual Medido em Variação em 24h
567.06 12/04/2024 -1
m às 22:00h cm

Nível nas últimas 24 horas

Medições realizadas nas últimas 24h na barragem da Represa de Três Marias



Veja mais informações na página da Represa de Três Marias


Represa de Serra da Mesa hoje

Medição mais recente realizada na barragem da represa
Nível atual Medido em Variação em 24h
453.69 12/04/2024 -1
m às 20:00h cm

Nível nas últimas 24 horas

Medições realizadas nas últimas 24h na barragem da Represa de Serra da Mesa



Veja mais informações na página da Represa de Serra da Mesa


Represa de Peixoto hoje

Medição mais recente realizada na barragem da represa
Nível atual Medido em Variação em 24h
664.56 12/04/2024 -12
m às 22:00h cm

Nível nas últimas 24 horas

Medições realizadas nas últimas 24h na barragem da Represa de Peixoto



Veja mais informações na página da Represa de Peixoto


Açude Araras em 11/04/2024

Nível Volume Volume
153,30 859,53 96,47
m hm³ %
Variação do volume
1 dia 9 dias 15 dias 30 dias
0 7.38 11.35 14.17
% % % %



Veja mais informações na página do Açude Araras


Açude Castanhão em 11/04/2024

Nível Volume Volume
90,36 1997,38 29,81
m hm³ %
Variação do volume
1 dia 9 dias 15 dias 30 dias
0.11 1.57 3.29 4.33
% % % %



Veja mais informações na página do Açude Castanhão


Açude Trairi em 11/04/2024

Nível Volume Volume
80,50 35,23 100,00
m hm³ %
Variação do volume
2 dias 7 dias 15 dias 30 dias
6.13 31.00 75.22 78.97
% % % %



Veja mais informações na página do Açude Trairi


Últimas atualizações

Represa de São Simão

Represa de Mauá

Represa de Peixoto

Represa de Três Irmãos

Represa do Estreito – Pedregulho/SP